TAG: conheça os sintomas e saiba como buscar ajuda para o Transtorno de Ansiedade Generalizado

TAG: conheça os sintomas e saiba como buscar ajuda para o Transtorno de Ansiedade Generalizado

Quando subiu ao estrelato do mundo Country, com apenas 13 anos, a pequena LeAnn Rimes não sabia o que a esperava. Fama, sucesso e mais de 30 milhões de discos vendidos no mundo todo? Com certeza!

O que ela não sabia é que a pressão do sucesso despertaria nela uma série de crises que, anos depois, foram diagnosticadas como um Transtorno de Ansiedade Generalizado, o chamado TAG.

Entre os sintomas, a cantora se sentia tensa quase todo o tempo, tendo inclusive dificuldades para dormir, para se concentrar e mesmo para fazer seus shows. Mesmo após vários tratamentos, ela precisou se internar em uma clínica por cerca de um mês para conseguir lidar com sua doença.

Neste texto, vamos contar a você os principais sintomas da TAG e os caminhos de tratamento. Vamos lá?

Principais sintomas da TAG

  • Preocupação ou tensão permanente e excessiva
  • Tensão mesmo quando não existem motivos
  • Ansiedade incontrolável, pois a pessoa não consegue abandonar a preocupação
  • Dificuldade de se concentrar, inquietude e irritabilidade
  • Insônia ou sentir-se cansado mesmo depois de dormir
  • Dores de cabeça, tensão muscular, tremores
  • Náusea, aumento da vontade de urinar
  • Diarreia e problemas do estômago

TAG em crianças

É importante saber que crianças também podem apresentar TAG e que os sintomas são um pouco diferentes dos adultos.

Em geral, uma criança com TAG apresenta medo excessivo, além de ter sentimentos de pânico exagerado em diversas situações. Elas estão sempre tensas e dão a impressão de que podem ter uma crise a qualquer momento.

Elas também estão sempre preocupadas com o julgamento dos outros, sejam adultos ou outras crianças, e precisam que lhes renovem a confiança e as tranquilizem o tempo todo. 

Têm ainda dificuldade para relaxar, queixas somáticas sem causa aparente, sinais de hiperatividade autonômica e tendem a ficar autoritárias quando alguém tenta tranquilizá-las.

Tratamento

O conhecimento da medicina e da psicologia sobre a TAG é avançado e, na maioria dos casos, uma combinação de medicamentos e terapia é bastante eficaz.

Porém, o diagnóstico preciso não é simples, já que existem vários outros transtornos que possuem sintomas parecidos.

Por isso, se você possui ou conhece um adulto ou criança com esses sintomas, o melhor caminho é buscar um bom psicólogo. A TAG é um transtorno sério, que precisa ser tratado com cuidado para garantir qualidade de vida e bem-estar para o paciente.

Deixe uma resposta